sábado, 13 de agosto de 2016

Aprende a escrever na areia

Ontem escolhi esse texto para interpretação nas aulas em que tive que substituir os professores.
É do Malba Tahan, pseudonimo do professor Julio Cesar de Mello e Souza.
Quis compartilhar aqui, pois acho esse texto encantador.


Aprende a escrever na areia


Dois amigos, Mussa e Nagib, viajavam pelas extensas estradas que circulam as tristes e sombrias montanhas da Pérsia. Ambos se faziam acompanhar de seus ajudantes, servos e caravaneiros.
Chegaram, certa manhã, às margens de um grande rio, barrento e impetuoso, em cujo seio a morte espreitava os mais afoitos e temerários.
Era preciso transpor a corrente ameaçadora. Ao saltar, porém, de uma pedra, o jovem Mussa foi infeliz. Falseando-lhe o pé, precipitou-se no torvelinho espumejante das águas em revolta. Teria ali perecido, arrastado para o abismo, se não fosse Nagib.
Este, sem um instante de hesitação, atirou-se à correnteza e, lutando furiosamente, conseguiu trazer a salvo o companheiro de jornada.
- Que fez Mussa ?
Chamou, no mesmo instante, os seus mais hábeis servos e ordenou-lhes gravassem na face mais lisa de uma grande pedra, que perto se erguia, esta legenda admirável:
"Viandante ! Neste lugar, durante uma jornada, Nagib salvou, heroicamente, seu amigo Mussa".
Isto feito, prosseguiram, com suas caravanas, pelos intérminos caminhos de Allah.
Alguns meses depois, de regresso às terras, novamente se viram forçados a atravessar o mesmo rio, naquele mesmo lugar perigoso e trágico.
E, como se sentissem fatigados, resolveram repousar algumas horas à sombra acolhedora do lajedo que ostentava bem no alto a honrosa inscrição.
Sentados, pois, na areia clara, puseram-se a conversar.
Eis que, por um motivo fútil, surge, de repente, grave desavença entre os dois companheiros. Discordaram. Discutiram. Nagib, exaltado, num ímpeto de cólera, esbofeteou, brutalmente, o amigo. Que fez Mussa? Que farias tu, em seu lugar? Mussa não revidou a ofensa. Ergueu-se e, tomando, tranqüilo, o seu bastão, escreveu na areia clara, ao pé do negro rochedo:
"Viandante ! Neste lugar, durante uma jornada, Nagib, por motivo fútil, injuriou, gravemente, o seu amigo Mussa".
Surpreendido com o estranho proceder, um dos ajudantes de Mussa observou respeitoso:
- Senhor ! Da primeira vez, para exaltar a abnegação de Nagib, mandaste gravar, para sempre, na pedra, o feito heróico. E agora, que ele acaba de ofender-vos, tão gravemente, vós vos limitais a escrever na areia incerta, o ato de covardia! A primeira legenda, ó cheique, ficará para sempre.
Todos os que transitarem por este sítio dela terão notícia. Esta outra, porém, riscada no tapete de areia, antes do cair da tarde, terá desaparecido, como um traço de espumas entre as ondas buliçosas do mar. 
Respondeu Mussa:
É que o benefício que recebi de Nagib permanecerá, para sempre, em meu coração. Mas a injúria. . . essa negra injúria... escrevo-a na areia, com um voto, para que, se depressa daqui se apagar e desaparecer, mais depressa, ainda, desapareça e se apague de minha lembrança!

- Assim é, meu amigo! Aprende a gravar, na pedra, os favores que receberes, os benefícios que te fizerem, as palavras de carinho, simpatia e estimulo que ouvires.
Aprende, porém, a escrever, na areia, as injúrias, as ingratidões, as perfídias e as ironias que te ferirem pela estrada agreste da vida.
Aprende a gravar, assim, na pedra; aprende a escrever, assim, na areia... e serás feliz !

Um grande abraço


quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Mais um caderno encapado

Fiz esse caderno para a filha de uma colega de trabalho. A menina ficou encantada pelo meu caderno de cachorrinho, decidi fazer um de presente para ela.
Encontrei o gráfico da  coelhinha da turma da Hello Kitty AQUI.

Essa semana fui a um curso a respeito de Inclusão. Durou duas manhãs. 
Uma das reflexões a respeito da deficiência, é que ela faz parte da diversidade. Todos somos diferentes!
E uma das coisas que já sentia no meu coração e que é sempre bom relembrar é que o aluno não é a deficiência ou a síndrome. Ele é uma pessoa, com seu potencial!
Alguns dos momentos mais significativos da minha função de professora de apoio, foi justamente na hora do reforço para os alunos de inclusão. É um mundo totalmente novo para mim!

Um grande abraço!





segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Presente da Zizi

Recebi da Zizi, do blog Zizi Santos , um presente muito especial.
Lindas revistas de ponto cruz, recheadas de gráficos maravilhosos!
Essa é a parte linda da internet, as amizades, o carinho de pessoas que a gente não conhece pessoalmente, mas que estão nas nossas vidas e nos nossos corações!
Obrigada, Zizi!!!

sexta-feira, 29 de julho de 2016

1 Projeto por Mês: Cachorrinho em ponto cruz

Chegou o dia do projeto que eu amo!
 
1 Projeto por Mês tira da gaveta lindos projetos! A idéia genial foi da querida Márcia do blog Poções de Arte.
Meu projeto desse mês veio de um lindo gráfico criado pela talentosa artesã Raquel Fraga do blog Ateliê de Mimos da Quelfs.
Quando vi o cachorrinho, fiquei apaixonada!

Agora na minha função de professora de apoio, ao substituir um professor, seja qual for a matéria, a diretora pediu que todas nós do apoio, trabalhássemos interpretação de texto.
Além de separar os textos, precisava de um caderno caprichado para meus arquivos.
Quem quiser o gráfico é só clicar AQUI.

Aqui vai a lista das amigas participantes!




segunda-feira, 11 de julho de 2016

Casa em ponto cruz, gráfico Jane Greenoff

Há alguns anos, eu ganhei do meu marido, a Bíblia do Ponto Cruz. E lá encontrei um gráfico de uma casa, tipicamente inglesa, que cabia no bastidor rosa.
Foi uma oportunidade de bordar um gráfico da designer Jane Greenoff, que tem gráficos incríveis. No site The Cross Stitch Guild , tem kits maravilhosos! ( Um dia eu compro um :) ... )
Agora esse quadrinho enfeita a porta do apartamento!
Desejo á todos uma semana maravilhosa!

sábado, 25 de junho de 2016

1 Projeto por Mês: Caderno encapado com tecido

Ontem não consegui fazer o post do meu projeto, que já estava pronto!
Mas chegou a hora de fazer o post do meu projeto favorito. 1 Projeto por Mês
Eu tinha bordado um Mickey, que mostrei no meu post passado. Inicialmente pensei em fazer um quadrinho, mas depois tive a idéia de fazer uma capa de caderno, para deixar meu caderno de relatório do reforço mais bonito.
Fez o maior sucesso na escola!
Eu aprendi em com um PAP muito bacana, bem explicadinho. Quem quiser ver é só clicar AQUI .

Aqui vai a lista das outras participantes e seus lindos projetos:

Márcia com Projeto Pet feliz
Zizi com gargantilhas
Eliane com almofada do Léo
Jussara com almofada para cinto de segurança
Alê com Acordeon
Maria Teresa com Capinhas
Lucia com Porta Brincos
Sileni com Bordado para Isabella
Jo com Um crochê para esquentar
Gabriela com Caixa vintage
Tiane com Placas para meu Recanto
Licia com Porta fraldas

Depois eu volto para atualizar mais participações!

domingo, 12 de junho de 2016

Mickey em ponto cruz

Desde que me entendo por gente, eu amo o Mickey Mouse. Eu era muito pequena e assistia ao Clube do Mickey.
Quando vi esse gráfico, é de autoria da Kelly Cristina Bordados, fiquei apaixonada, pois adoro essa imagem clássica do Mickey. Quem quiser bordar o gráfico é só clicar AQUI

Segui a dica da querida Liliane, do blog Paulamar, que ao ler o post onde eu dizia que meu tempo estava curto para bordar, me sugeriu bordar vendo TV. Bordei vendo uns vídeos no Youtube, da parte de educação.
Hoje vi um filme lindo no Youtube : " Como estrelas na Terra, todas as crianças são especiais"

É um filme lindo! Como o olhar de um professor pode  mudar a vida de muitas pessoas!
Desejo á todos uma semana maravilhosa! Bjs